Poetisa Leidiana S. Silva

Poetisa Leidiana S. Silva
********

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

DECEPÇÃO SERTANEJA

Um homem encantado
Com a beleza de um a sertaneja
Com quem manteve um caso amoroso
E que estava de partida
Sabe-se lá para onde

Ele nunca a perguntou de onde tinha vindo
E também não quis saber para onde ela iria
Mais uma pergunta ele a fez
E pediu que o respondesse de uma vez
E com sinceridade mesmo que o machucasse
Se ela voltaria para ele um dia
E que falasse a verdade

Daí com os olhos cheios de lagrimas
Ela o confessou
Não! Não voltarei mais para ti
Mais saudade hei de sentir

Eu conheci outra pessoa
E por isso vou parti
Perdoa-me, por favor,
E saiba que eu também estou sofrendo

Gosto muito de você
E por isso eu não vou mentir
Eu quero a ti ser sincera
Pelos anos que vivemos

Toda a felicidade desse mundo
Eu desejo para ti
Espero que você encontre
A quem ti ame de verdade

Por favor, não me acompanhe,
Nem a porta venha abrir
Pois eu não pretendo
De você me despedir

Apesar daquele choque
Ele contente ficou
Pois estava livre para amar
E se abrir para um novo amor

Uma gaucha conheceu
E após dois anos se casou
E descobriu ao lado dela
O que era o verdadeiro amor


Leidiana S Silva
 08/11/11

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário