Poetisa Leidiana S. Silva

Poetisa Leidiana S. Silva
********

domingo, 1 de novembro de 2015

MÁGOAS PASSADAS

Fiquei meio sem rumo
Procurei explicação
E o que encontrei
Foi total escuridão

Fiquei desolada
Sem saber o que fazer
A decepção
Me fez esmorecer

Uma tremenda frustração
Tomou conta da minha vida
Fiquei num labirinto
Procurando uma saída

Fiquei no escuro
Sem saber onde pisar
De uma tal forma
Sem ter em quem confiar

Tudo escureceu
Em toda minha frente
Me senti estranha
Totalmente diferente

Procurei uma saída
Até que achei
Uma luz bem forte
Lá no fim avistei

E em fim encontrei
Uma solução
Abandonei tudo o que fazia
Mal para o meu coração

Agora uma luz
Em mim clareou
E aquela escuridão
Das trevas dissipou

Agora me contemplo
Sentada em um gramadim
Tomando um banho de sol
Olhando um Jardim

Sai daquele escuro
Em que eu vivia
E esqueci de todos
O que me ofendia

Com quem me maltratou
Não tou mais chateada
Só quero é viver
Minha vida e mais nada

De quem me deixou triste
Não tenho raiva não
Me livrei de todos pesos
Que me deixou no chão

Isso para mim
São mágoas do passado
E não serve mais nem
Para ser lembrado

Agora clareou
Tudo em minha vida
Sou uma pessoa melhor
Muito bem resolvida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário