Poetisa Leidiana S. Silva

Poetisa Leidiana S. Silva
********

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

PROMETEU... CUMPRA!


Prometeu... Sem te pedir!
Fez alguém se iludir
Acreditar em sua palavra
Pra na hora não cumprir

Esperar e não chegar
Isso é de entristecer
Se não queria dá
Porque que foi prometer

Ficar na expectativa
Dias a esperar
Quando isso acontece
Para alguém decepcionar

É grande a tristeza
A dor da desilusão
Por esperar atentamente
Algo que não chega não

A decepção é tanta
Que faz lágrimas descer
A mente vai a mil
O coração chega a doer

Só prometa se for fazer
Só prometa se for dar
Promessas não cumpridas
Podem até machucar

Quando você prometer
Trate de cumprir
Se coloque no lugar
De quem está à iludir

Pois promessa não cumprida
É uma tremenda ilusão
E mata a fé de quem
Acredita em compaixão

Prometeu cumpra
Só prometa se for cumprir
Se não for, faz o favor!
De a boca nem abrir

Promessa tem que ser
Do tamanho que você
Possa a causa abraçar
E diferença fazer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário