Poetisa Leidiana S. Silva

Poetisa Leidiana S. Silva
********

quinta-feira, 28 de abril de 2016

SENTIMENTO POETA

No peito de um poeta
Também bate um coração
"Acredite você ou não!"
Poeta sente solidão

Solidão é pouco
Poeta tem deprê
Uma criança dentro do ventre
Que chora e a mãe não ver

O poeta ama
E se não for amado
O coração do poeta
Fica só despedaçado

No peito de um poeta
Bate um coração
Coração sensível
Que transborda de emoção

Poeta se apaixona
Fácil, rapidinho
Mas para esquece
Já é bem devagarinho

Poeta é sensível
Poeta é sofredor
Poeta simplesmente
Geme e chora por amor

Poeta geralmente
Tem grande coração
Tipo uma mãe da humanidade
Mas, mesmo assim tem solidão

Poeta não tem jeito
Nasceu para sofre
Pois por tudo sofre
Sem ninguém lhe socorrer

Por isso sofredor
Coração poeta é...
Um mar de emoção
Sofrimento, amor e fé

Poeta fala de amor
Porque é seu sentimento
E em meio a poesia
Poeta esconde seu lamento

Esvaziando a mente
E aliviando o coração
Poeta espera o amanhã
Suportando a solidão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário