quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

FAMÍLIA, CULTURA OU COSTUMES

A família e a cultura
É igual, mas diferente
Família é tradicional
A cultura é divergente

A família segue regras
E em regras vai andando
Ao contrário a cultura
Vive as regras quebrando

Existe família culta
Mas não família cultural
Pois é culta em conceito
Em costumes e moral

A moral é o respeito
Os costumes a tradição
A cultura da família
É uma rápida diversão

Sabiamente foi escrito
Muitíssimo anos atrás
O mandamento familiar
Rigoroso por demais

Os costumes de família
É o ponto de partir
Uma regra a obedecer
Manual a se seguir

Pois família é mandamento
Já a cultura é diversão
Família é serenidade
E a cultura uma animação

A família tem costumes
A cultura só invenção
A família é bom exemplo
A cultura às vezes não

A família é a linha do tempo
Já a cultura só um evento
Que às vezes entra em tradição
De família em algum momento

A tradição de criar
Essa é a famíliar
Uma tradição chamada
De bom caráter formar

A tradição cultural
É só em época de festejar
E no caso do artesão
É uma forma de trabalhar

Cabe a cada um de nós
Aprender a diferenciar
Para não se confundir
E a sua família estragar

Pois família tem limites
Já a cultura é ilimitada
Uma família culta mesmo
É a bem disciplinada

A maior de toda cultura
É a cultura do saber
Do saber a respeitar
E saber obedecer

O maior culto de todos
É o culto em aprender
O culto em ensinar
Bom exemplo dar e ser

Sabe-se que uma família
É feita de amor e união
E seguir os seus costumes
É uma grandiosa tradição

A mais importante cultura
É a família respeitar
Onde a mãe dá luz ao filho
E muito bem saber o criar

A Matriarca da minha família
Sua família por ela é guiada
Depois da família criada
Cada um segue a sua jornada

Costumes de família
É a cultura do viver
E costumes famíliar
Sempre irá prevalecer

A verdadeira família culta
É aquela que bem ensina
Aquela que impõe regras
Aquela que tem disciplina

Família culta de verdade
É aquele que já foi criada
As regras foram seguidas
E as normas respeitadas

Pois tradição famíliar
É uma cultura universal
Criada junto com o mundo
Unicamente sem igual

A base da existência
Uma família é união
E como complemento
A cultura é a diversão.

domingo, 30 de dezembro de 2018

O SOL BRILHOU PRA MIM

O sol brilhou pra mim
Brilhou intensamente
Após, manhã nublada
Ele brilhou de repente

O dia amanheceu
Um dia amarrado
Amanheceu sem sol
Dia triste e nublado

Um dia bem cinzento
Um dia apagado
O sol dormiu de mais
Depois nasceu atrasado

A ausência do sol
É tipo, um grande pesadelo
Pois demora a sair
E vai causando desespero

Mas enfim, despertou...
Isso mesmo o sol nasceu
Um pouco atrasado
Mas de mim não esqueceu

O sol brilhou pra mim
Para mim ele brilhou
Aqueceu a minha tarde
O meu dia clareou

Esquentou o meu dia
Colorindo o dia nublado
E o que estava chato
Logo ficou animado

O sol brilhou pra mim
Abriu um sorrizão
Alegrou o meu dia
E também meu coração

A manhã nublada
Me deu nostalgia
Mas a tarde quente
Trouxe-me alegria

O sol brilhou pra mim
Brilhou bem animado
Brilhou intensamente
Deixando-me encantado

O sol hoje brilhou...
E brilhou só para mim
A alegria foi muito grande
Minha alegria foi sem fim

Para mim brilhou o sol
Para mim o sol brilhou
O sol brilhou pra mim
Em declaração de amor

Fiquei muito contente
Contente e animado
Porque meu dia nublado
Terminou bem isolarado...

O sol muito dormiu
Acordando atrasado
Mas ele acordou
E acordou bem animado

O sol sorriu pra mim
Um mega sorrisão
Deixou-me muito alegre
E cumpriu sua missão

O sol brilhou pra mim
Para mim ele brilhou
Aqueceu meu dia
E minha alma alegrou.

AMOR PERFEITO EXISTE

Como que é o "amor"
Ele é perfeito ou não?
E tem como um casal
Se amar com perfeição

Isso não é fácil
Mas possível, éh...
Comparo o amor
A um devoto e sua fé

Pois amar é uma devoção
Onde ambos devem se doar
E a este sentimento
Cem por cento se entregar

E de fato o amor perfeito
É aquele pegajoso
É aquele que em tudo
Lhe agrada, e é gostoso

Quando ambos sentem falta
Quando um longe do outro está
E rápido entra em desespero
Querendo logo se encontrar

Isso é amor perfeito
Isso é amor de verdade
Isso é amor autêntico
Sem nenhuma falsidade

Quando a ausência doe
Um quer o outro encontrar
Nunca querem ficar longe
Isso sim, éh que é amar

Amor é companheirismo
Amor é além de união
São dois corpos unidos
Mas em um só coração

Duas cabeças, e um só sonho
Unidas num só pensamento
Ambas na mesma sintonia
Um compartilhado sentimento

Quando um suporta o outro
Na hora que está estressado
E mesmo cheios de chatisse
Ficam firmes, lado a lado

Isso é amor perfeito
Fora disso é imitação
Pois amar é suportar
O amor é compreensão

Amar é compreender
Amar é compartilhar
Amar é ter união
E um, o outro ajudar

Amar é querer bem
Amar é ter respeito
Um cuidar bem do outro
Isso é amor perfeito

Amor perfeito existe
Cada um do seu jeito
Com algumas imperfeições
Mas no fundo perfeito

Tem amor perfeito para mim
E tem o perfeito para você
Tem quem discorde do meu
E quem um igual queria ter!

"Amor é amor!"
Cada um do seu jeito
Desde que correspondido
Sim, ele é perfeito.

SUFOCADAMENTE TRISTE

Sorrir! Nem sempre é alegria
Às vezes é tristeza disfarçada
Pois de tanto disfarçar a tristeza
Ela de alegria, acaba camuflada

Pois tristeza se disfarça
Se passando por alegria
E a pessoa mesmo triste
Simplesmente ela sorria

Mas bem pior que isso
É a alegria de vez sumir
E tristemente a pessoa
Nunca mais poder sorrir

Pois algo estranho aconteceu
E minha alegria fui perdendo
E eu que era tão alegre...
Fui do nada entristecendo

A minha alegria se foi
De repente ela morreu
Do nada ela se acabou
Ao poucos ela se perdeu

Isso foi quando do nada
Sem se quer eu esperar
Bateu-me uma tristeza
Como posso explicitar!

É que às vezes me dói a alma
E dá um aperto no coração
Me dói tanto, que até penso
Que eu vou morrer de solidão

Às vezes eu até sorrir
Mas só para disfarçar
Para ninguém perceber
Que minha vida é chorar

Minha tristeza é tão grande
Que lágrimas começam cair
E me amolece todo o corpo
De tanta... tristeza eu sentir

Não é fácil viver triste
Sem nada para te alegrar
Onde tudo, tudo mesmo...
Tem prazer em fazer-te chorar

Às coisas não saem do seu jeito
Nada fica do jeito que você quer
E você se engana com tudo
E além de tudo, isso abala sua fé

Essa tristeza só vai aumentando
E parece não querer mais parar
O seu mundo vira pelo averso
A tristeza insiste em te dominar

A coisa só tende a piorar
E piorando vai...
Quanto mais se tem tristeza
Mais triste a tristeza te faz

E então piora, piora e piora...
Pior essa tristeza, fica à cada hora
E há cada mês, semana e segundo
Essa tal tristeza aumenta e assola

E com toda essa tristeza
Minha vida vira um sofrer
A tristeza ainda mais aumenta
E o meu peito continua a doer

Minha alma fica aflita
E de tanto eu senti aflição
Fica eu sem rumo certo
Pois até perco a direção

Um típico carro desgovernado
Corro o risco de bater
Ou até mesmo capotar
Sinto até que vou morrer

E nessa minha vida triste
Dessa chuva de aflição
Um poço de lágrimas
Formou em meu coração

Agora estou aqui
Esperando o sol nascer
Aquecer meu coração
Para a alegria renascer

Pois nada é para sempre
Tudo um dia vai acabar
E assim como tudo acaba
A tristeza vai findar

E a alegria que se foi
Sei que um dia vai voltar
Eu vou voltar a sorrir
Meu coração vai se alegrar.

sábado, 29 de dezembro de 2018

NOS BRAÇOS DA LUA

Na imensidão do meu olhar
A sua beleza eu avistei...
Tão linda e tão perfeita...
 E por você me apaixonei

Meu olhar se apaixonou
Se apaixonou por sua beleza
Contempla-la é tão bom...
Que espanta minha tristeza

Deleitei-me nós seus braços
De corpo, alma e coração
Caiu eu, em teu laço
Flutuei alto... sai do chão

De corpo e alma me entreguei
Em uma paixão de primeiro olhar
No primeiro encontro me entreguei
E não conseguir mais a largar

Me encantei tanto pela lua
Que de imediato a amei
E meu coração falou pra mim
Minh' alma gêmea encontrei

Deleitei-me em seus braços
De corpo e alma me doei
À declarei o meu amor
E em seguida a beijei...

Sempre... ela admirando
Mesmo quando a dormir
Me encontrei nos braços dela
E ao mesmo tempo me perdi

Tão linda, linda e tão bela
De aparência sensual
Esse amor pegou em mim
Uma atração, grande e fatal

Eu só pensava nela, e só nela
E em seus braços me achegar
Dia e noite, noite e dia
Eu só pensava em lhe amar

E aquele seu jeitinho doce
Doce caramelado
Cada dia que passava
Deixava-me mais encantado

E os seus cabelos dourados
Com mais curva que estrada
Seus cachinhos cor de ouro
Totalmente iluminada

Muito apaixonante
Muito inspiradora
Mestre da atração
Que lua sedutora

Por isso apaixonei-me
No instante que a vi
Caídinho de amor fiquei
De amor eu me perdi

E é nos braços da lua
Que quero sempre estar
Me perder no seu amor
E nele me encontrar

Ter-me nos seus braços
Oh! Meu luar de ouro
Amor dá minha vida
És meu maior tesouro

Nos teus braços òh lua
Eu quero sempre está...
Nessa, e na outra vida
Pra sempre vou te amar

Nos braços da Lua
Completo eu sou
Pois nos braços dela
Eu encontrei o amor.